sábado, 16 de outubro de 2010

As surpresas da semana

1 - Minha Terra Tem Palmeiras

2 - As baratas podem ser úteis para a saúde do ser humano. Foi a conclusão a que chegou um grupo de investigadores da Universidade de Nottingham em Inglaterra. O estudo, que vai ser apresentado num encontro a realizar ao longo desta semana na Society for General Microbiology, sugere a existência de poderosas propriedades antibióticas nos cérebros destes insectos e também no dos gafanhotos. A descoberta pode conduzir a novos testes para um medicamento contra infecções bacterianas.

3 - A Administração da Região Hidrográfica (ARH) do Centro vai avançar, ainda este mês, com uma intervenção de limpeza nos rios Vouga e Águeda, num investimento de 180 mil euros, informou a instituição.

4 - O Público oferece uma viagem a Londres que inclui um fim-de-semana com pequeno-almoço no Hotel The Dukes. E também um bilhete duplo para a exposição Tesouros de Budapeste e catálogo oficial da exposição, oferta da Royal Academy of Arts (participa até 22 Outubro 2010).

5 - Câmara Municipal de Palmela inaugura postos de BookCrossing no concelho.

6 - Exóticas: as espécies que estão a invadir o nosso mar.

7 - Tens amigos espalhados pela Europa? Gostavas de lhes oferecer uma viagem inesquecível até ao Porto, onde está localizada a sede da Throttleman (participa até 22 Outubro 2010)?

8 - As mantas de retalhos ao estilo das nossas avós estão novamente na moda ficando especialmente bem numa cama ou sofá. Inspire-se na fantástica gama de Anchor Style Creativa e escolha as cores que melhor combinem com a sua decoração para criar esta bonita manta que ficará lindamente tanto num esquema de decoração clássico quanto moderno.

9 - Taí, Carmen fez tudo para nós gostarmos dela. Por Anabela Mota Ribeiro.

10 - A experimentar em breve: Trança Doce.

11 - Daniel Pirsc chegou com uma nova visão de papel de parede. Componentes de porcelana em 3D são a nova solução. Recepções, espaços públicos, paredes interiores, vidros...escolha as várias opções. Os papeis de parede 3D são a solução para qualquer espaço, fácil de colocar e altamente variáveis. Visualmente cativantes especialmente quando dispostos em padrões geométricos e de forma aleatória, Pirsc deu um novo uso a porcelana. O que de longe pode ser parecido com um revestimento de parede bi-dimensional torna-se, após uma inspecção mais próxima, uma escultura textural.

12 - Esta é uma oportunidade única de ganhares uma viagem com a Billabong! Há duas para oferecer! Uma viagem de surf e outra de snowboard e para te habilitares a ganhar só tens de te inscrever no passatempo! A viagem de surf será para a África do Sul, para assistires ao Billabong Pro J-Bay 2011 e a de snowboard, é uma viagem para a Áustria para assistires ao evento de snowboard Billabong Air & Style 2011.

13 - Jessica Alba confessa: tenho celulite e seios descaídos.

14 - Catálogo Triumph: nova Colecção Outono/Inverno 2010.

15 - Renda do Hospital Miguel Bombarda paga 17 novos projectos.

16 - A Bizâncio e o Páginas Desfolhadas têm para oferecer três exemplares do novo livro de Yasmina Khadra "O Olimpo dos Desventurados" (participa até 19 Outubro 2010).

17 - O Grand Palais, a maior galeria pública de exposições da capital francesa recebe uma retrospetiva com obras que percorrem a trajetória do pintor impressionista Claude Monet. É a maior exposição desde 1980, quando o mesmo espaço realizou uma mostra de grande porte do autor dos jardins mais famosos da história da pintura.

18 - Observação de aves: Sente-se e espere pacientemente. Faça silêncio, oiça o chilrar das várias espécies e oriente o olhar à sua procura. Está em pleno habitat onde bandos de pássaros vivem, alimentam-se e espalham a beleza com a sua miscelânea de cores. Aproveite o momento que é um instante, porque depois estes belos seres levantam voo com a rapidez de quem deseja constantemente ser livre. Afinal, de nada vale tê-los na mão.

19 - Passatempo: a D'Magia oferece 5 DVD's Flor do Deserto (participa até 20 Outubro 2010).

20 - Contrariamente a algumas crenças e apesar da raiz do termo (Hipnos, de sono), a hipnose não é sono nem sonho. A hipnose corresponde a um estado de consciência modificado, em relação à vigília (altered state, em inglês), caracterizado por uma concentração atenta e receptiva, em que o indivíduo se abstrai do contexto em que se encontra, por uma focalização sugerida da atenção, em que ocorre ausência parcial de crítica. Em termos muito simples, pode comparar-se ao estado de sonolência pelo qual se passa diariamente ao acordar ou adormecer, de maior ou menor duração.

21 - A EMI Music Portugal e o SAPO Música têm para oferecer uma discografia completa dos cd's originais de Robbie Williams (participa até 25 Outubro 2010).

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Concerto Inauguração de Órgão de Tubos
Organista Frits Heil
16 Outubro 2010, 21h15
Igreja Paroquial de São Tomás de Aquino
Rua Virgílio Correia - Lisboa
Telefone: 21 726 23 40
E-mail: ptomasaquino@gmail.com
www.paroquiatomasaquino.com/cms2

clique na imagem para ampliar

A paróquia de São Tomás de Aquino inaugura este sábado o seu novo órgão de tubos, com um concerto executado pelo organista Frits Heil.
A iniciativa, que se realiza às 21h15 na igreja paroquial, conta com a participação de D. Joaquim Mendes, bispo auxiliar de Lisboa, que vai abençoar o instrumento.
O órgão, que possui 14 registos e soma 818 tubos, foi construído em 1971, remodelado em 1993. Em julho deste ano foi desmontado e limpo pela empresa construtora, que o adquiriu à Igreja Protestante Bankras-Kostverloren, em Amstelveen, Holanda, recentemente encerrada e transformada em sinagoga.
Serão interpretadas obras de J.P.Sweelinck, D.Buxtehude, J.S. Bach, C.Seixas, Soror da Piedade, F.Mendelssohn-Bartholdy, L. Boëllmann e Frits Heil

In Agência Ecclesia

Conversas (Bio) diversas
Tertúlia do Melro-das-Rochas
15 e 16 Outubro 2010
Hotel Miraneve
Rua Dom Pedro de Castro
5000-669 Vila Real
Tel.: +351 259 323 153
e-mail: hotelmiraneve@live.com.pt
www.hotelmiraneve.com

Programa aqui


clique na imagem para ampliar

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Vamos ajudar quem precisa!
16 Outubro 2010

Recolha de Produtos Alimentares e de Higiene
A favor dos sem-abrigo do Grande Porto
MUUDA
Rua do Rosário, 294
4050-522 Porto
Tel: 22 201 18 33; Tm: 96 135 04 38
e-mail: info@muuda.com
www.muuda.com

Numa altura em que as dificuldades em ter uma vida equilibrada se agravam para algumas famílias, o MUUDA promove o sábado, dia 16 de Outubro, para uma recolha de produtos alimentares e produtos de higiene para os mais carenciados. Todos as ofertas serão distribuídas no dia seguinte aos sem-abrigo do Grande Porto.
Esta acção é feita com a FAS Rondas, um grupo de voluntariado social, que actua em cinco vertentes diferentes a Famílias, as Aldeias, os Sem Abrigo, Imigrantes e Seniores, desde 2003.
Ao colaborar com o FAS Rondas terá, no sábado, um desconto de 10% em compras MUUDA.
Para saber mais sobre o trabalho desenvolvido pelo FAS Rondas visite fasrondas.blogspot.com

NOTA: O desconto mencionado só é válido no dia 16 de Outubro e não é acumulável com qualquer promoção.

In MUUDA
Compostagem

Compostar é extremamente gratificante e positivo. Além de reduzirmos o lixo que acaba nos aterros(1), ficamos com o alimento ideal para as nossas plantas, um solo rico e como se não bastasse, as pilhas de compostagem são atraentes para um sem número de insectos, aumentando a biodiversidade das nossas hortas e jardins.
Os materiais biológicos que podem ser compostados, podem ser classificados simplesmente em “verdes” e “castanhos”. Os primeiros com uma maior proporção de azoto, os outros uma maior percentagem de carbono. Deve-se tentar obter ambos na mesma proporção, para uma compostagem óptima, mas não é estritamente necessário.

Materiais verdes
Legumes e hortaliça
Restos e cascas de frutos
Cascas de frutos secos
Borras de café
Cascas de ovos esmagadas
Folhas e sacos de chá
Cereais

Materiais castanhos
Palha
Aparas de madeira e serradura
Relva e erva seca
Folhas secas
Ramos pequenos
Pequenas quantidades de cinzas de madeira
Papel triturado (jornal em tiras ou as fitas que saem dos destruidores de documentos)

Não devem ser compostados excrementos de animais que possam conter microrganismos patogénicos que sobrevivam ao processo. Também é de evitar juntar ervas daninhas já com semente.
Muito já se escreveu sobre dispor os elementos verdes e castanhos em camadas sucessivas, mas agora a tendência é misturar tudo, que é o que eu faço. Existindo, pode-se juntar um pouco de composto pronto, para iniciar o processo mais rapidamente. Deve-se adicionar os materiais de uma vez, ou gradualmente até mais ou menos um metro de altura. A última camada deve ser de material castanho, que isola a pilha, eliminando possíveis odores (que em princípio nem devem existir) e insectos indesejáveis. A pilha deve-se manter húmida, mas não encharcada.
Segundo a The HDRA Encyclopedia of Organic Gardening, um dos problemas com a compostagem caseira é o excesso de verdes, pois normalmente para o compostos vão cortes frescos do jardim e restos vegetais da cozinha. O conselho é adicionar papel, que é o que tenho feito, pois já detectei esse problema. Adiciono regularmente papel às tiras.
Para acelerar o processo, pode-se revirar regularmente a pilha. Colocando os materiais que estavam por cima em baixo e vice-versa. Repetir o processo de 15 em 15 dias.
Numa pilha estática, o composto estará pronto a usar ao fim de seis meses a um ano. Numa pilha revirada, diria que em três meses há composto.
Depois de pronto, o composto não se degrada mais. Considera-se pronto, quando todos os componentes iniciais não são reconhecíveis. O cheiro é de terra fresca. Maravilhoso.
Quando o composto está pronto, deve-se retirá-lo da pilha e deixá-lo em repouso durante duas a quatro semanas, principalmente se for para aplicar em plantas sensíveis. É a fase da maturação.

Problemas
Se o processo se apresentar demasiado lento, deve adicionar verdes e revirar a pilha.
Se cheirar a podre, pode ter humidade em excesso, deve adicionar materiais secos e absorventes, como folhas, serrim ou palha.
Se cheirar a amónia, tem demasiados verdes (excesso de azoto), deve-se adicionar castanhos.
Se a pilha estiver demasiado compacta, deve diminuir a altura e revirá-la.
Se a temperatura da compostagem for demasiado baixa, talvez a pilha esteja demasiado pequena. Se o clima for muito frio, deve-se aumentar o tamanho da pilha e isolá-la com palha.
Há saquetas de chá feitas de nylon e outros produtos que não se degradam.

Utilização
O composto é geralmente aplicado uma vez por ano, na altura das sementeiras. É preferível aplicá-lo na Primavera ou no Outono, altura em que o solo se encontra quente. No Verão seca demasiado e no Inverno, o solo está demasiado frio.
Se tiver apenas uma pequena quantidade de composto, espalhe-o por cima da terra na vala onde pretende semear. Se tiver composto em quantidade, pode espalhá-lo em camadas de um a dois cm de espessura misturado com o solo, mas sem enterrar. Pode também usar o composto nas caldeiras das árvores. Nesse caso, espalhe o composto em camadas de dois cm à volta das árvores e não misture com o solo.
Se pretender usar o composto em plantas envasadas, não coloque mais do que 1/3 do composto por vaso. Misture 1/3 de composto com 1/3 de terra e 1/3 de areia, para obter um bom meio de crescimento para as suas plantas.
A cobertura ou “mulch” é um tipo de material colocado sobre o solo para evitar o crescimento de ervas daninhas e manter a humidade, prevenir a erosão, ou simplesmente como cobertura atraente para o solo. Composto e restos de jardim triturados constituem excelentes coberturas orgânicas.

Bibliografia
The HDRA Encyclopedia of Organic Gardening

Recursos em linha
Composting at Home (Metro-region)
How to Compost
O melhor composto de sempre na “Organic Gardening”
Master Composter
Vermont Master Composter
Compost Guide

(1) Um estudo de 2002 na Grã-Bretanha concluiu que apenas a compostagem em casa reduz significativamente o volume de lixo doméstico que acaba nos aterros.

José Rui Fernandes
In Jardinagem.Org

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Glocal 2010 - Pensar Global, Agir Local
21 e 22 de Outubro 2010
Auditório LIPOR
LIPOR I - Baguim do Monte
Gondomar (Porto)
Inscrições aqui
Contactos: Marta Macedo - Grupo de Estudos Ambientais
E-mail: glocal@esb.ucp.pt ; Tel:. +351 225 580 192
www.glocal2010.org

clique na imagem para ampliar

O que é
A GLOCAL 2010 – Pensar Global, Agir Local será, à semelhança da GLOCAL 2009, uma conferência internacional de Agenda 21 Local e outros modelos e instrumentos de sustentabilidade local e cidadania activa, com o objectivo de actualizar conhecimentos, trocar experiências e divulgar resultados.
A quem se destina
Destina-se a todos o que sabem o que é uma A21L e para todos os que querem saber, sejam decisores políticos, técnicos, educadores, investigadores, activistas ou empresários, desde que empenhados em construir um mundo melhor.
Onde se realiza
A GLOCAL 2010 terá lugar na Área Metropolitana do Porto, nos dias 21 e 22 de Outubro. No dia 20 irá decorrer uma sessão restrita a decisores políticos. Na conferência serão apresentados os melhores exemplos nacionais e estrangeiros de planeamento participado, discutidas as estratégias para comunicar e educar para a sustentabilidade, sem esquecer o speed networking para alargar contactos e as visitas para sentir a cidadania activa.
O foco
A GLOCAL 2010 irá centrar-se no futuro da Agenda 21 Local num mundo em rápida mudança, preparando a Conferência da Terra 2012 (Rio+20) e assinalando o nascimento da Rede Nacional de Agenda 21 Local.

In Glocal 2010

O Escritor que Falou sobre a (Des)ilusão do Mundo e dos Homens
Textos de Raul Brandão
12 e 26 Outubro 2010, 16h às 18h30
Livraria do TNDM II
Praça D. Pedro IV
1100-201 Lisboa
T.: + 351 213 250 800
E-mail: geral@teatro-dmaria.pt
Entrada livre
www.teatro-dmaria.pt

clique na imagem para ampliar

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Sons

Deolinda - Um Contra O Outro

Um pouco do melhor que se faz em Portugal. Gosto muito!
Letras

Amigos, nada mudou
em essência.

Os salários mal dão para os gastos,
as guerras não terminaram
e há vírus novos e terríveis,
embora o avanço da medicina.
Volta e meia um vizinho tomba morto
por questão de amor.
Há filmes interessantes, é verdade,
e como sempre, mulheres portentosas
nos seduzem com suas bocas e pernas,
mas em matéria de amor
não inventamos nenhuma posição nova.
Alguns cosmonautas ficam no espaço
seis meses ou mais, testando a engrenagem
e a solidão.
Em cada olimpíada há recordes previstos
e nos países, avanços e recuos sociais.
Mas nenhum pássaro mudou seu canto
com a modernidade.

Reencenamos as mesmas tragédias gregas,
relemos o Quixote, e a primavera
chega pontualmente cada ano.

Alguns hábitos, rios e florestas
se perderam.
Ninguém mais coloca cadeiras na calçada
ou toma a fresca da tarde,
mas temos máquinas velocíssimas
que nos dispensam de pensar.

Sobre o desaparecimento dos dinossauros
e a formação das galáxias
não avançamos nada.
Roupas vão e voltam com as modas.
Governos fortes caem, outros se levantam,
países se dividem e as formigas e abelhas continuam
fiéis ao seu trabalho.

Nada mudou em essência.

Cantamos parabéns nas festas,
discutimos futebol na esquina
morremos em estúpidos desastres
e volta e meia
um de nós olha o céu quando estrelado
com o mesmo pasmo das cavernas.
E cada geração , insolente,
continua a achar
que vive no ápice da história.

Affonso Romano de Sant’Ana

domingo, 10 de outubro de 2010

As imagens da semana

Aproveitando o facto de ter o Cartão Lisboa Viva, decidi subir o Elevador de Santa Justa para apreciar a paisagem. Muitos turistas (e alguns carteiristas também), um dia bonito e um "cheirinho" a Outono, tornaram este passeio muito agradável.
Boa semana!