sábado, 29 de agosto de 2009

As surpresas da semana

1 - Na Malveira da Serra encontrámos uma casa diferente. Custa 5,5 milhões de euros e tem uma réplica do castelo da Disney. A venda da Quinta da Felicidade é quase certa.

2 - Queria um para mim: Uma Flor chamada Maria.

3 - Campanha Nestlé: registe-se agora e ganhe prémios (até 8 de Setembro 2009).

4 - Gosto muito da estante Delta da Maria João Maia!

5 - Menos receitas e menos turistas estrangeiros mas, em Junho, muitos mais turistas portugueses que, este ano, preferiram fazer férias por cá.

6 - O espantoso trabalho de Erik Johansson.

7 - Vote e ganhe uma viagem a Milão: entre 31 de Agosto e 13 de Setembro vote no seu projecto favorito em www.triumph-inspiration-award.com e habilite-se a ganhar uma viagem a Milão, para assistir à grande final internacional e integrar o júri do concurso representando a comunidade online internacional. Helena Coelho, Rainha Triumph’09, vai desfilar o modelo vencedor português (Betty Boop), na final internacional, que se realiza no Museu de Desing Triennale di Milano, no dia 23 de Setembro.

8 - Livraria Arquivo: um local muito especial em Leiria.

9 - Para pedir amostra Aptamil Júnior da Milupa.

10 - Para além de um site, o projecto LIFE "Ilhas Santuário para as aves marinhas tem agora um novo blog com as novidades do quotidiano da equipa de projecto na ilha do Corvo e no ilhéu de Vila Franca do Campo. Neste blog, a equipa de projecto conta-lhe as suas experiências, não só durante as acções do projecto LIFE, mas da vivência nesta pequena e remota ilha atlântica.

11 - A ZON Lusomundo e o SAPO têm para oferecer cinco pacotes com a edição em DVD de «Watchmen» + bases para copos alusivas ao filme.

12 - Lavores Coats: esquema de chávenas a ponto de cruz.

13 - O milhafre-real (Milvus milvus) é uma ave de rapina diurna de comprimento compreendido entre 55 e 64 cm, e com uma envergadura máxima de 180 cm. Esta ave apresenta uma plumagem corporal castanha com pequenas manchas escuras e uma cauda comprida marcadamente bifurcada de cor ruiva. As asas são de cor castanha escura e com pontas de cor negra. Na face superior destas pode-se observar uma linha diagonal descendente mais clara e na parte inferior é possível identificar uma janela translúcida de cor branca. A cabeça é de cor cinza claro com um padrão listrado vertical de cor negra.

14 - Lisboa debaixo de terra: O Teatro Romano.

15 - O blogue Marcador de Livros, em conjunto com a Editorial Presença, tem para oferecer 3 exemplares do livro de Frank McCourt O Professor (até dia 2 de Setembro 2009).

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Berlenga: Um Paraíso Desconhecido
www.cm-peniche.pt

"As Berlengas são um pequeno arquipélago situado a cerca 10/15 Km a oeste de Peniche. As suas águas tranquilas e transparentes, abundantes em peixe, bem como a grande quantidade de grutas, fazem destas ilhas uma atracção para mergulhadores, pescadores e de todos aqueles que apreciam a vida marinha e o mar. Para os amantes do mergulho, constitui um “oceanário” selvagem, as translúcidas águas das Berlengas permitem ver claramente a fauna e flora marinhas, bem como os barcos afundados. Também as praias, apesar da água fria fazem lembrar as ilhas tropicais.
O local de partida para este paraíso é o porto de Peniche. São várias as empresas que fazem a travessia entre Peniche e a Berlenga. Esta, entre Maio e Setembro, é feita várias vezes por dia, a sua maioria da parte da manhã, e com retorno no mesmo dia (cerca de 5 a 7 horas depois). A viagem demora 30 a 40 minutos, e poderá se “agitada” pelo que convém prevenir o enjoo. Existe ainda a possibilidade de ficar alojado na ilha, nomeadamente no Forte de S. João Batista, no Pavilhão Mar e Sol ou no Parque de Campismo.
Como se trata de uma Reserva Natural, não há livre acesso a toda a ilha, mas existem trilhos, com cerca de 2 km, onde se pode andar á vontade e assim admirar a verdadeira beleza das Berlengas e as gaivotas, que aqui encontram um ambiente protegido.
Na ilha merecem visita o bairro dos pescadores numa das suas encostas, o farol no ponto cimeiro da ilha, a Praia do Carreiro do Mosteiro, conhecida pela areia dourada e águas verdes e, por fim, o forte São João Baptista.
É obrigatória uma volta de barco, para apreciar a limpidez das águas e as inúmeras grutas. Uma delas chama-se "Furado Grande" e atravessa a ilha de lado a lado, desembocando na baía da "Cova de Sonho". Há diversas empresas a operar na ilha, oferecendo actividades como o snorkling, mergulho de garrafa, passeio de caiaque, passeio de barco pelas enseadas e grutas da ilha, ou apenas passeio pedestre.
A Casa-Abrigo instalada no Forte de S. João Baptista, funciona entre 15 de Maio e 15 de Setembro. Para marcar o alojamento no Forte uma “espécie de campismo com telhado” como é definido localmente, deverá contactar a Associação dos Amigos da Berlenga, de 2ª a 6ª entre as 18h e as 22h. Esta “espécie de campismo”, com água doce doseada, em que é necessário levar saco cama ou lençóis, será, com toda a certeza, uma aventura para as crianças, o ambiente do forte em muito contribui para isso, além disso é económico (cerca de 25€ o casal) o que é sempre positivo.
Seja para passar o fim de semana ou simplesmente um dia diferente, não há dúvida que a Berlenga justifica o passeio e fará parte das boas memórias da infância dos seus filhos."

Informações úteis:
Associação Amigos das Berlengas: 912 631 426 (Forte de S. João Baptista)
Parque de Campismo: 262 789 571
Pavilhão Mar e Sol: 262 750 331
Julios: 917 601 114 / 262 782 698 (noite)
Pássaro do Sol: 965 167 233

In site Estrelas e Ouriços

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

SCML oferece Música no Largo
Largo Trindade Coelho
(junto à Sede da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa)

Agosto e Setembro 2009
Gratuito
www.scml.pt

"No âmbito de uma iniciativa da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) vai realizar-se durante o final de Agosto e meados de Setembro de 2009 uma série de concertos gratuitos no Largo Trindade Coelho, junto da Sede da SCML.
Os eventos decorrem às sextas-feiras, pelas 18:00, e aos Sábados, pelas 21:00, num palco montado para o efeito no largo.
Promovidos no âmbito da missão de divulgação cultural da SCML e de responsabilidade social dos Jogos Santa Casa, pretende-se, com estes eventos, animar o final de Verão da cidade de Lisboa e oferecer um contributo lúdico aos seus cidadãos e aos seus visitantes, nacionais e estrangeiros.
Para o programa musical foram convidados grupos e individualidades musicais de origem nacional de áreas tão diversas como a música popular e clássica, o jazz e a guitarra portuguesa que animarão os finais de tarde e noites deste local junto do Chiado e Bairro Alto.

O calendário do programa conta com os seguintes intérpretes musicais:

Sexta- Feira – 18h00
28 de Agosto
: Quarteto de Cordas Intempore – Violinos, Viola d’Arco e Violoncelo
4 de Setembro: Ricardo Pereira – Guitarra Portuguesa
11 de Setembro: Quarteto de Clarinetes de Lisboa

Sábado – 21h00
29 de Agosto
: Quinteto de Alunos do Hot Club de Portugal
5 de Setembro: Quarteto roda de Choro de Lisboa – Acordeão, Guitarra, Bandolim e Percussões
12 de Setembro: Ventusceltus – Bombos, Gaita de Foles, Gaita Escocesa, Gaita Transmontana, Bombarda"

In site SCML

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Bazar Animais de Rua em Sintra
29 e 30 de Agosto 2009
Estrada de Mem Martins, n.º 137/139

clique na imagem para ampliar
A Associação Animais de Rua vai realizar um Bazar durante o próximo fim-de-semana, dias 29 e 30 de Agosto, em Mem Martins - Sintra.
A venda de todos os artigos reverterá inteiramente para a esterilização e ajuda de animais de rua e em risco.
Visite-nos, leve um amigo e ajude-nos também a divulgar esta iniciativa!
Os animais agradecem!

Informações: 965705529 / 965423411
sonia.brito@animaisderua.org
ana.rois@animaisderua.org
filipa.pires.lima@animaisderua.org

Mapas de acesso ao local

clique para ampliar

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Cinema
Ponyo à Beira-Mar (Ponyo on the Cliff by the Sea)
um filme de Hayao Miyazaki
Estreia nacional a 27 de Agosto 2009
www.castellolopesmultimedia.com/ponyo


"Baseada no conto “A Pequena Sereia”, de Hans Christian Andersen, “Ponyo à Beira-Mar” é a mais recente obra do grande mestre japonês do cinema de animação, Hayao Miyazaki. Transportado para um universo mais infantil, a sereia transforma-se num peixinho-dourado e o príncipe num menino de 5 anos a brincar à beira-mar. Na sua essência, porém, a história continua a mesma, só que com direito a um final feliz.
Certa manhã, quando brinca na praia, o pequeno Sosuke encontra um peixe vermelho preso num frasco de doce… Sosuke liberta o peixinho do frasco, a quem dá o nome de Ponyo, e promete protegê-la para sempre. Mas o pai de Ponyo, um feiticeiro que vive no fundo do mar, força a filha a regressar às profundezas. Decidida a tornar-se humana, Ponyo foge para reencontrar Sosuke e espalha acidentalmente uma poção mágica pelo oceano, transformando as suas irmãs em ondas gigantes que ameaçam inundar a aldeia de Sosuke.
Apesar de terem em comum o desenlace feliz, a versão de Miyazaki não podia ser mais diferente da versão da Disney, quer do ponto de vista visual, quer narrativo. Mais próximo da ilustração do que da animação a que os estúdios norte-americanos nos habituaram, os filmes de Miyazaki transportam-nos às melhores memórias da nossa infância, fazendo lembrar as ilustrações dos livros infantis. As cores e as formas são belíssimas, fruto da maravilhosa imaginação do realizador que já nos deu obras primas da animação como: “O Castelo Andante” (Howl's Moving Castle), “A Viagem de Chihiro” (Spirited Away) ou a “Princesa Mononoke” (Princess Mononoke). “Ponyo à Beira-Mar” é um filme ternurento e lindíssimo que o vai fazer sonhar."
In Newsletter Castello Lopes Multimédia (25 Agosto 2009)

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Cinco Chaves para uma Alimentação mais Segura

"A Organização Mundial de Saúde produziu um documento para garantir a segurança alimentar. O documento foi traduzido para português pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge.
São 5 as regras fundamentais para garantir uma alimentação segura e, logo, mais saudável. Lembre-se: a manipulação adequada dos alimentos é a chave para a prevenção de doenças de origem alimentar. Impedir que os microrganismos provoquem doenças é o objectivo destas 5 Chaves, promovidas pela OMS:

1.Mantenha a limpeza
-Lave as mãos antes de iniciar a preparação dos alimentos e, frequentemente, durante todo o processo.
-Lave as mãos depois de ir à casa de banho.
-Higienize todos os equipamentos, superfícies e utensílios utilizados na preparação dos alimentos.
-Proteja as áreas de preparação e os alimentos de insectos, pragas e outros animais.
Porquê: Embora a maior parte dos microrganismos não provoque doenças, grande parte dos mais perigosos encontram-se no solo, na água, nos animais e nas pessoas. Estes microrganismos são veiculados pelas mãos, passando para roupas e utensílios, sobretudo para as tábuas de corte, donde facilmente podem passar para o alimento e vir a provocar doenças de origem alimentar.

2. Separe alimentos crus de alimentos cozinhados
- Separe carne e peixe crus de outros alimentos.
- Utilize diferentes equipamentos e utensílios, como facas ou tábuas de corte, para alimentos crus e alimentos cozinhados.
- Guarde os alimentos em embalagens ou recipientes fechados, para que não haja contacto entre alimentos crus e alimentos cozinhados.
Porquê: Alimentos crus, especialmente a carne, peixe e os seus exsudados, podem conter microrganismos perigosos que podem ser transferidos para outros alimentos, durante a sua preparação ou armazenagem.

3. Cozinhe bem os alimentos
- Deve cozinhar bem os alimentos, especialmente carne, ovos e peixe.
- As sopas e guisados devem ser cozinhados a temperaturas acima dos 70 ºC. Use um termómetro para confirmação. No caso das carnes, assegure-se que os seus exsudados são claros e não avermelhados.
- Se reaquecer alimentos já cozinhados assegure-se que o processo é o adequado.
Porquê: Uma cozedura adequada consegue matar quase todos os microrganismos perigosos. Estudos demonstraram que cozinhar os alimentos a uma temperatura acima dos 70 ºC garante um consumo mais seguro. Os alimentos que requerem mais atenção incluem carne picada, rolo de carne, grandes peças de carne e aves inteiras.

4. Mantenha os alimentos a temperaturas seguras
- Não deixe alimentos cozinhados, mais de 2 horas, à temperatura ambiente;
- Refrigere rapidamente os alimentos cozinhados e/ou perecíveis (preferencialmente abaixo de 5 ºC);
- Mantenha os alimentos cozinhados quentes (acima de 60 ºC) até ao momento de serem servidos;
- Não armazene alimentos durante muito tempo, mesmo que seja no frigorífico;
- Não descongele os alimentos à temperatura ambiente.
Porquê: Os microrganismos podem multiplicar-se muito depressa se os alimentos estiverem à temperatura ambiente. Mantendo a temperatura abaixo dos 5 ºC e acima dos 60 ºC, a sua multiplicação é retardada ou mesmo evitada. Alguns microrganismos patogénicos multiplicam-se mesmo abaixo dos 5 ºC.

5. Utilize água e matérias-primas seguras.
- Use água potável ou trate-a para que se torne segura.
- Seleccione alimentos variados e frescos.
- Escolha alimentos processados de forma segura, como o leite pasteurizado.
- Lave frutas e vegetais, especialmente se forem comidos crus.
- Não use alimentos com o prazo de validade expirado.
Porquê: As matérias-primas, incluindo a água e o gelo, podem estar contaminados com microrganismos perigosos ou químicos. Podem formar-se químicos tóxicos em alimentos estragados ou com bolor. Tenha atenção na escolha das matérias-primas e no cumprimento de práticas simples que podem reduzir o risco, tais como a lavagem e o descascar."

20.08.2009
In site
Sabores Sapo

domingo, 23 de agosto de 2009